pão


Durante algum tempo andei a pesquisar uma máquina de fazer pão. Acabei por nunca compra-la por várias razões. A principal razão foi devido à minha dieta e à redução de pão e afins, a seguir era o espaço na cozinha {elas ainda ocupam um lugar considerável numa bancada} e por fim não queria estar a investir num eventual capricho até porque tenho a bimby e este robot de cozinha também faz todo o tipo de massas para pão, pizzas e tudo aquilo que quisermos {só não os coze}.
Mas um certo dia, liga-me a minha irmã e pergunta-me se quero a máquina dela, porque estava a fazer umas limpezas na arrecadação e tinha pena de não estar a dar uso àquela máquina que era praticamente nova. Pronto, aqui estava uma forma gratuita de eu perceber se valerá a pena ter a máquina ou não e vai daí fiquei com ela. É tão fácil, simples e tão delicioso ter aquele cheirinho de pão acabado de fazer espalhado pela casa.
Em relação à dieta, continuo a reduzir o pão, não o como todos os dias mas quando como escolho o caseiro. E é verdade que me roubou espaço na cozinha, mas não há nada que não se reajuste.
Hoje fiz um pãozinho integral, tão bom e saudável.

Preparação:
  • Colocar 300 ml de água morna na máquina
  • Adicionar 500 g de preparado de pão integral
  • Depois coloquei no programa pão básico, peso de 750 g, e cor média
Pãozinho pronto para os pequenos almoços durante a semana.



DIY


DIY


DIY


Adoro as velas. E adoro as velas do IKEA, sejam as pequenas, as grandes, as que vêm dentro do copo, qualquer uma. Além do ambiente que criam, têm um cheirinho tão bom.
Tenho comprado muitas de copo, porque para além do aroma que libertam, duram mais tempo, e o problema que se põe depois é:
  • O que fazer com aquela quantidade de copos que depois nos sobram?
Sim eu já tenho quase um serviço de "copos" para 12 pessoas. E como não gosto de deitar nada fora, que ache que tem grande potencial de ser reaproveitado, tenho guardado todos estes recipientes para um dia reciclar.
No ano passado, andei pelos bosques à caça de tronquinhos para cobrir os recipientes. Depois comprei a pistola de cola quente (menos de 10€ e serve para outras reciclagens futuras), e guardei tudo à espera do dia em que tivesse tempo para realizar esta tarefa.

Hoje foi o dia perfeito, peguei no material que tinha guardado, e pôs mãos à obra. 
  • Retirei os restos de vela dentro do copo, com uma faca afiada, saem muito bem
  • Lavei o copo
  • Coloquei a cola directamente no tronquinho e depois pressionei o tronco contra o recipiente
  • Coloquei os tronquinhos o mais junto possível
Uma reciclagem bastante fácil e rápida com um acabamento bem rústico e que traz um pouco da natureza para dentro de casa. 

E vocês o que fazem aos copos que vos sobram depois da vela queimar por completo?